• Eu, porém, vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem; para que vos torneis filhos do vosso Pai que está nos céus; porque ele faz nascer o seu sol sobre maus e bons, e faz chover sobre justos e injustos.

    Mateus 5:44,45

  • Disse-lhes ele: Por causa da vossa pouca fé; pois em verdade vos digo que, se tiverdes fé como um grão de mostarda direis a este monte: Passa daqui para acolá, e ele há de passar; e nada vos será impossível

    .

    Mateus 17:20

  • Qual de vós é o homem que, possuindo cem ovelhas, e perdendo uma delas, não deixa as noventa e nove no deserto, e não vai após a perdida até que a encontre?

    Lucas 15:4

  • Então ele te dará chuva para a tua semente, com que semeares a terra, e trigo como produto da terra, o qual será pingue e abundante. Naquele dia o teu gado pastará em largos pastos.

    Isaías 30:23

  • As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu as conheço, e elas me seguem;

    João 10:27

prev next

Bem vindos!!

Sejam bem-vindos ao novo site e-cristianismo!! Nosso site foi recentemente invadido, então estamos trabalhando para recuperar o conteúdo. Esperamos terminar esta tarefa em breve.

Verso do dia

Apesar de haver elementos especulativos muito importantes no gnosticismo, o fato desse ensino ser usualmente apresentado como um conjunto de sistemas de especulações numerológicas tornou impossível entender como tal doutrina pode ter sido um rival tão forte da igreja. O fato do gnosticismo ter se tornado uma alternativa atraente em relação ao Cristianismo ortodoxo deve-se, sobretudo, a seu interesse soteriológico.

No início, esses movimentos fascistas encontravam eco favorável até nas paróquias mais recônditas. Invadindo a Europa toda, obtiveram o apoio junto aos católicos romanos, por vezes com a aprovação confessa ou tácita da hierarquia, porque representavam, a seus olhos, a defesa da Igreja e do catolicismo contra o comunismo. Os cristãos reformados, os protestantes dos países nórdicos ou as minorias dos países latinos, a França inclusive, resistiram mais depressa.

O concílio de Ferrara testemunhou a submissão dos Gregos à sé Romana. Ele não tentou entrar no tema das reformas eclesiásticas, e assim disputar com o sínodo em Basiléia. Depois de dezesseis sessões mantidas em Ferrara, Eugênio transferiu o concílio em fevereiro de 1439 para Florença. A razão dada foi as condições insalubres em Ferrara, mas os reais motivos eram as ofertas dos florentinos a ajudar Eugênio em manter seus convidados do Leste e, se afastando do litoral, para diminuir as chances dos Gregos voltarem para casa antes da conclusão da união. Em 1442 o concílio foi transferido para Roma, onde manteve duas sessões no Laterano. As sessões em Ferrara, Florença e Roma são listadas com as primeiras vinte e cinto sessões do concílio de Basiléia, e juntos eles são contados como o décimo sétimo concílio ecumênico.

A língua e o estilo de Mateus têm sido definidos como "grego sinagogal": sintaticamente melhora muitas vezes sua fonte, Marcos; usa um léxico mais preciso e mais elevado; mas é também mais conciso, quer apresentar o essencial dos relatos, com uma intenção didática. Seu estilo é intencionalmente influenciado pela língua da Septuaginta.

Isto é: considerarás somente a mim como teu Deus. Que significa isso e como se deve entendê-lo? Que significa ter um Deus, ou, que é Deus? Resposta: Deus designa aquilo de que se deve esperar todo o bem e em que devemos refugiar-nos em toda apertura. Portanto, ter um Deus outra coisa não é senão confiar e crer nele de todo coração. Repetidas vezes já disse que apenas o confiar e crer de coração faz tanto Deus como ídolo. Se é verdadeira a fé e a confiança, verdadeiro também é o teu Deus. Inversamente, onde a confiança é falsa e errônea, aí também não está o Deus verdadeiro. Fé e Deus não se podem divorciar. Aquilo, pois, a que prendes o coração e te confias, isso, digo, é propriamente o teu Deus.

Autor de um bem escrito livro sobre história da Igreja, Roger Olson tem escrito várias críticas a personagens históricos da igreja, destacando vários de seus “erros”. Especial atenção recebem os personagens históricos ligados a grupos historicamente contrários ao Arminianismo, corrente de pensamento que ele atualmente defende e advoga. Ele já criticava João Calvino, mas em uma resenha preliminar do livro Defending Constantine: The Twilight of an Empire and the Dawn of Christianity de Peter Leithart, ele não se contentou em criticar apenas Constantino, mas também resolveu direcionar suas críticas a um personagem bastante improvável: Ulrico Zuínglio.

Como era vista a eucaristia nos primórdios da Igreja Cristã? O que eles entendiam por transubstanciação? É a essas perguntas que apresentamos algumas respostas dos Pais da Igreja, como Inácio de Antioquia, Orígenes e Tertuliano.

O que choca nossas mentes modernas é que os Direitos do Homem, que começaram dificilmente a ser levados em conta na época das grandes revoluções democráticas ocidentais, são ainda apenas privilégio reservado aos brancos. Índios e negros, especialmente, deles não participam.

Com sua clareza e objetividade características, Calvino começa sua extensa discussão sobre os sacramentos nas Institutas oferecendo duas definições do que ele entende ser um sacramento.

Página 8 de 15

Últimos artigos

Assuntos principais

Últimos comentários