Imprimir esta página

Os apóstolos casados

Escrito por  Eusébio de Cesareia
A cura da sogra de Pedro

História Eclesiástica - Eusébio de Cesaréia

Livro III - CAPITULO XXX

OS APÓSTOLOS QUE VIVERAM NO MATRIMÔNIO.

1. Clemente, contudo, cujas palavras acabamos de ler, enumera, na continuação do que foi dito, os apóstolos que foram casados, por causa dos que condenam as núpcias. "Por acaso eles reprovam também os apóstolos? Efetivamente, Pedro (Marcos 1:30; 1 Coríntios 9:5) e também Felipe tiveram filhos. Filipe até deu as filhas em casamento. Igualmente Paulo não hesita em certa carta em saudar sua companheira (Filipenses 4:3) que ele não levara consigo (1 Coríntios 9:5,12), para o bem de seu ministério.

2. Uma vez que relembramos estes fatos, apraz-nos referir um episódio memorável, proveniente do mesmo autor. Ele o explana no sétimo dos Stromata, da seguinte forma: "Diz-se que o bem-aventurado Pedro, ao ver a esposa conduzida à morte, regozijou-se por causa da graça da vocação e do retorno à própria casa. Encorajava-a e consolava-a; chamava-a pelo nome e dizia-lhe: "Fulana, lembra-te do Senhor!". Assim era o casamento dos bem-aventurados e as disposições perfeitas daqueles que mais se amava." Essa narrativa corresponde a meu plano atual, por isso inseri-a no lugar adequado.

História Eclesiástica"História Eclesiástica", Eusébio de Cesaréia, Ed. Paulus, 2000, pág. 154.

Ler 8450 vezes
Avalie este item
(0 votos)